Como gastar menos nas compras do supermercado

Happy Modern pushing trolley in supermarket

Happy Modern pushing trolley in supermarket

Uma simples ida ao supermercado pode pesar no bolso. Se o consumidor não ficar atento, ele tem grandes possibilidades de pagar mais caro pelas suas compras. Encher o carrinho é fácil, mas para não ser surpreendido na hora de pagar a conta, é preciso tomar alguns cuidados. Quer aprender a fazer boas escolhas sem extrapolar o orçamento? Então confira nossas dicas práticas para economizar e não transformar as compras do mês no verdadeiro terror das finanças pessoais.

 

Comece a fazer listas de compra

Não abra mão do planejamento! Fazer uma lista antes de ir ao mercado evita que itens desnecessários sejam adquiridos. Além disso, a lista reduz os impulsos consumistas e ajuda a economizar tempo. Ao fazer a lista, olhe a geladeira, os armários e a dispensa. Não se esqueça de detalhar as quantidades de cada produto e especificar o valor que procura gastar.

 

Deixe as crianças em casa

Levar os filhos para o supermercado pode ser muito perigoso para as finanças. O apelo emocional dos pequenos é praticamente irresistível e a tendência é justamente que eles peçam os itens mais caros e supérfluos. Crianças se deixam levar pela beleza das embalagens, pelos brindes oferecidos e até mesmo pela vontade de comer um lanche igual ao dos coleguinhas na escola.

O mais recomendado é que você, como adulto, assuma o controle da situação e defina o que é melhor para o seu filho. É mais do que possível agradá-lo sem que a conta seja alta.

 

Compre no atacado

Se a família for grande e o consumo dos produtos também, vale a pena comprar no atacado. As vantagens são incontestáveis, já que a economia costuma variar entre 15% e 20% quando os itens são comprados em maior quantidade. Caso você adote essa prática, é importante escolher um bom atacadista e ficar atento aos preços para não comprar gato por lebre.

 

Evite as compras enormes

Comprar grandes quantidades quase sempre representa um desperdício. Fazer compras menores e mais frequentes acaba aumentando a economia doméstica, pois  possibilita que os consumidores aproveitem as promoções semanais e as ofertas especiais nos setores de hortifrúti, carnes, massas, bebidas, laticínios e outros.

 

Compare os preços

A estratégia é tão conhecida, que até os supermercados se renderam a ela. Visando  atrair o público, alguns estabelecimentos até cobrem a oferta dos concorrentes. O ideal é visitar pessoalmente os supermercados e conferir os preços dos produtos que você costuma comprar. Mas se não tiver tempo, comparar os produtos contidos nos encartes promocionais impressos e online também funciona bem.

 

Substitua itens

Ao notar que determinado produto da sua lista está muito caro, o mais recomendado é que você o substitua. Em períodos de alta na carne vermelha, por exemplo, que tal substituir esse item por frango? Se novamente o preço do tomate subir, o que acha de usar a criatividade e comprar frutas, legumes e verduras mais baratos para fazer uma salada diferente?

 

Dicas extras para economizar no supermercado

Preparamos também uma lista com dicas básicas, que nem todo mundo conhece, mas que ajudam bastante você a economizar. Veja:

  • -Tenha cuidado com as promoções muito atrativas e fique de olho na data de validade. Normalmente, os perecíveis muito baratos estão próximos do vencimento. Não leve para casa nada que não possa ser consumido dentro da validade.

  • -Não despreze os itens da própria  marca do supermercado, eles podem surpreender em termos de qualidade, além de serem bem mais baratos. Ouse experimentar!

  • -Verifique os produtos de baixo para cima. Normalmente os supermercados colocam as mercadorias mais caras na altura dos olhos do cliente para induzi-los a comprar.

  • -Vá ao supermercado com tempo. A pressa nesse caso é inimiga da economia!

  • -Leve uma calculadora, ela pode te ajudar na hora de avaliar o preço unitário de cada item.

  • -Fique atento ao preço dos itens no caixa. Não é raro que ele seja diferente do preço exposto nas prateleiras.

  • -Não vá com fome para o supermercado. Isso pode dar a falsa sensação de que você precisa comprar muitos produtos alimentícios.

  • -Compre produtos da estação. O preço compensa!

 

E aí, gostou das nossas dicas? Que estratégias você já usa? Compartilhe conosco nos comentários!

 

Comentários

comentários

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *