3 tipos de investimentos que devem superar a poupança em 2017

69861-3-tipos-de-investimentos-que-superam-a-poupanca-em-2017

banner-mktplacedireto-2

69861-3-tipos-de-investimentos-que-superam-a-poupanca-em-2017Se os rendimentos da caderneta de poupança não estão sendo atrativos, saiba que existem outros tipos de investimento bem mais rentáveis e que podem resultar em excelentes remunerações.

Apesar de toda a praticidade da poupança, seu rendimento não é dos melhores, principalmente com a crise e a inflação elevada, que acaba rentabilizando quase nada o dinheiro aplicado.

Pensando nisso, selecionamos 3 tipos de investimento que devem superar a poupança em 2017. Confira!

1. Títulos Públicos

O Tesouro Direto se destaca como uma das opções mais seguras de investimentos para quem quer fugir da poupança. Os títulos públicos são ativos de renda fixa que podem ser pré ou pós fixados, que têm a finalidade de financiar a dívida pública e viabilizar que o governo possa pagar suas contas.

  • Tesouros prefixados: são títulos que o investidor já sabe o rendimento total que irá receber. O juro é prefixado.
  • Tesouro pós-fixado: a rentabilidade pode flutuar de acordo com a taxa básica de juros, a Selic. Assim, com a queda ou ascensão desse índice, o rendimento pode oscilar, mas faça chuva ou faça sol você estará atrelado a ele.
  • Tesouro inflação: paga um juro fixo mais variação da inflação pelo IPCA.

É importante destacar que os investimentos feitos em títulos públicos incidem o Imposto de Renda sobre o lucro do investimento, conforme o tempo que o dinheiro permanece aplicado, assim:

  • Até 180 dias: 22,5%
  • De 181 a 360 dias: 20%
  • De 361 a 720 dias: 17,5%
  • Acima de 720 dias: 15%

Ou seja, quanto mais tempo o dinheiro ficar investido, menor é a alíquota do desconto. Porém, os títulos públicos vêm como uma ótima opção de aplicação para este ano, sendo seguros, com boa rentabilidade, de fácil acesso e com rendimentos superiores ao da poupança.

2. Certificado de Depósito Bancário

Esse é o famoso CDB: um título emitido pelos bancos para conseguir angariar recursos para manter suas atividades. Assim, ao adquirir um CDB, o investidor faz um tipo de empréstimo à instituição bancária e, em troca, recebe certa rentabilidade.

Em geral, existem três tipos de CDBs:

  • prefixado: o investidor negocia com o banco  paga uma taxa predeterminada e, durante o período acordado do título, receberá a remuneração definida no acordo;
  • pós-fixado: cuja rentabilidade é baseada numa taxa de referência, sendo a principal delas o CDI, que está sempre muito próxima da Selic (taxa básica de juros);
  • CBDs cuja remuneração varia conforme um índice de inflação (principalmente IPCA). Paga, além da inflação, uma taxa de juros prefixada.

Vale destacar que, assim como os títulos públicos, incide sobre o CDB o Imposto de Renda. Para quem deseja ter um rendimento melhor que a poupança, investir no Certificado de Depósito Bancário pode ser uma excelente opção. Tudo vai depender do porcentual do CDI que você conseguirá negociar. Mesmo com a incidência do IR, o CDI pode remunerar muito bem o valor investido e trazer ótimos rendimentos.

No entanto, é preciso pesquisar, já que o CDI varia de banco para banco, dependendo do valor e da negociação efetuada.

3. LCIs e LCAs

A Letra de Crédito do Agronegócio (LCA) é um título emitido pelas instituições bancárias para financiar a cadeia do agronegócio, enquanto que a Letra de Crédito Imobiliário (LCI) é um título emitido pelos bancos para angariar recursos que serão destinados ao financiamento do setor imobiliário.

A grande vantagem das LCIs e das LCAs é a isenção do Imposto de Renda. No entanto, a grande desvantagem é a exigência de um valor mínimo para aplicação, que varia de banco para banco.

Outro fato importante é que ambos os investimentos possuem um prazo mínimo para resgate. Logo, exige que o investidor deixe seu dinheiro aplicado por período, que pode ser curto, como um mês, ou mais longo, como anos.

Investir em LCA e LCI é uma ótima alternativa de baixo risco e que pode ser usada para diversificar investimentos de renda fixa.

E aí, gostou do nosso post? Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário contando sua experiência!

banner-mktplacedireto-1

Leia também:

– Compare 5 opções de empréstimo pessoal online
 As 4 melhores planilhas de gastos pessoais para o seu dinheiro
 Planilha de gastos no Excel ou controle financeiro online?
 Planilha de gastos mensais: como fazer?

Comentários

comentários

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *