“Obrigada, mãe!”, disseram as minhas finanças

dia das mães-retouched

banner-mktplacedireto-2

Por Isabella Mello

Sabe quando dizem que mãe está sempre certa? Aqui no GuiaBolso a gente bota fé nisso! Afinal, vamos ser sinceros, existe mais alguém que entende absolutamente tudo? Elas adivinham quando não estamos bem, preveem se vai fazer frio (e ai de você se sair de casa sem levar o casaco!) e ainda têm os melhores conselhos pra todas as situações!

Não há dúvidas de que elas são muito mais poderosas do que qualquer personagem do Guerra Infinita (já assistiu? Está incrível!!). Mas, como aqui no GuiaBolso a gente sempre quer ir além, decidimos ir atrás de alguma sabedoria materna pela qual a gente não costuma agradecer. E pasmem: descobrimos que cada uma daquelas frases de mãe que nós já até cansamos de ouvir carrega uma baita lição sobre as finanças! Dá uma olhadinha e já corre pra dizer “Obrigado, mãe!”:

“Por acaso dinheiro cai da árvore, menino?”

Quando somos pequenos, é normal querermos tudo o que passa pela frente. Os amigos sempre aparecem com um brinquedo novo, as propagandas nos cativam e até o mercado parece ser o lugar mais legal do mundo! Nessas horas, as mães se fortalecem e lutam bravamente contra tudo o que diz “Compre!”, afinal, dinheiro não cai da árvore, né?

Provavelmente, foi com essa pergunta que tivemos o nosso primeiro contato real com a noção de economia. Com ela, aprendemos que qualquer gasto deve ser orientado por uma escolha consciente e que mesmo um único centavo tem o seu valor – então não pode ser desperdiçado.

Se hoje você sabe a importância de organizar as suas finanças, aprendeu a seguir a regrinha do 50-15-35 e ainda consegue manter as despesas dentro da meta, não deixe de agradecer a sua mãe por isso!

“Você pensa que eu sou sócia da Sabesp?”

Lembra quando você ficava hooooooras no banho e a sua mãe soltava essa frase? Tá bom, não era tanto tempo assim, mas do jeito que ela falava, parecia que estava lá há uma eternidade. A minha mãe, inclusive, costumava fechar o registro de água quando achava que eu exagerava. O resultado? Hoje eu sei que economizar nos gastos básicos também é essencial!

Fechar a torneira enquanto estiver escovando os dentes, lavando a louça ou fazendo a barba já faz a diferença. Talvez a redução do valor da conta de água seja pequena, mas no acumulado do ano vira uma quantia considerável. O mesmo vale para a conta de energia! Que tal tirar alguns aparelhos eletrônicos da tomada enquanto não estiver em casa? Pode ser a mudança que o seu bolso e o meio ambiente estavam esperando!

“Se o seu amigo se jogar da ponte, você também vai?”

… Ou então “você não é igual a todo mundo” eram as típicas frases pra te convencer de que você não podia ir às festinhas. Mas é claro que elas iam muito além dessa intenção. Foram essas frases que te ensinaram a se conhecer, entender suas necessidades, seus objetivos e não sair simplesmente seguindo tudo o que os outros fazem. Se você está precisando economizar, com certeza não sai todos os fins de semanas com o seu amigo que só vai a restaurantes caros – e isso é algo que a sua mãe te ensinou: o poder de dizer NÃO!

Colocando esse mesmo pensamento em prática, se todo mundo decidiu investir em bitcoins, não vá na onda antes de pesquisar! Como dizia a sua mãe, as pessoas não são iguais (e nem as suas situações bancárias ou objetivos). Por isso, cada um possui um perfil diferente e, só entendendo ele plenamente, você vai conseguir optar por aquele investimento que vai ser mais eficaz para você.

 

Já deu pra confirmar que mãe é mãe, né? Não tem pra ninguém tanta sabedoria! Agora, corre pra agradecê-la mais uma vez por ser tão incrível!

Feliz Dia das Mães!

banner-mktplacedireto-2

Comentários

comentários

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *