Como diminuir os gastos com plano de celular em 7 dicas

image3

As resoluções de 2019 já começaram: mudar de emprego, viajar, encontrar um novo amor, e, é claro, economizar pra ter mais dinheiro ao fim de cada mês. Mas são tantas contas pra pagar que, sentimos dizer, não adianta apenas usar roupa amarela na noite da virada pra conseguir organizar as finanças.

Mas não desanima, porque “yes, you can”! Vamos te mostrar como diminuir seus gastos com plano de celular, com sete dicas fáceis de serem seguidas e que fazem toda a diferença no seu orçamento. Dá pra começar agora mesmo a economizar!

Agora, se o problema é gasto descontrolado, veja essas 4 dicas para parar de gastar por impulso e aproveitar melhor o seu dinheiro.7 dicas de como diminuir seus gastos com plano de celular

Agora vamos ao que interessa: as nossas dicas preciosas de como diminuir seus gastos com plano de celular e conseguir poupar, pelo menos um pouco. É mais simples do que parece e dá pra economizar com os planos de todas as pessoas da casa – e até com outros serviços de telecomunicação.

1.      Entenda qual o seu perfil de utilização

É heavy user de celular ou usa apenas de vez em quando? Compreender a maneira como você utiliza o telefone faz toda a diferença na hora de contratar o plano.

Se você é daqueles que não despluga um segundo e fica o tempo todo conectado e em contato com outras pessoas, é melhor buscar ofertas com um bom pacote de dados. Pra aqueles que falam muito, ter uma oferta com ligações ilimitadas é essencial.

Mas se, por outro lado, você não usa tanto assim o telefone, uma oferta mais básica pode te atender perfeitamente.

Uma boa maneira de observar isso é analisar o seu consumo nos últimos três meses.Procure as contas dos meses anteriores e confira no histórico quanto da franquia atual do seu plano você consumiu em internet, ligações e até SMS.

Se você usa pouco do seu pacote, talvez seja melhor trocar por um plano menor e mais barato. Porém, se você sempre ultrapassa a franquia e contrata pacotes adicionais, vale procurar uma oferta maior ou reduzir seu consumo.

Lembre-se: você tem que economizar, mas o plano também precisa atender às suas demandas.

2.      Compare preços

Essa dica é fundamental não apenas pra quem quer saber como diminuir seus gastos com plano de celular, mas pra qualquer pessoa que vai comprar um bem ou contratar um serviço.

As ofertas de telefonia estão com condições cada vez mais semelhantes, como ligações ilimitadas e acesso grátis a diferentes aplicativos.

Compare os planos disponíveis na sua região e escolha o que tenha o melhor custo-benefício. Ou seja, tenha um bom preço, com boa disponibilidade de sinal e com entrega total dos serviços prometidos pela empresa.

No site Melhor Plano, por exemplo, você consegue comparar as ofertas de cada operadora ou de todas ao mesmo tempo para encontrar o pacote de serviços ideal.

3.      Aproveite as promoções das operadoras

As operadoras estão sempre lançando promoções especiais, especialmente para os novos clientes. Fique atento às ofertas e também às suas condições. Pode ser uma excelente oportunidade pra trocar de plano e ainda economizar.

Um exemplo desse tipo de promoção é o bônus de internet que os planos Nextel oferecem para quem fizer portabilidade pra operadora.

Mas, cuidado: não contrate no impulso da promoção. Compare o plano com ofertas de outras operadoras e calcule todos os custos pra saber se o bônus vale a pena.

4.      Fique de olho na cláusula de fidelidade

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) autoriza as empresas de telefonia a estabelecerem cláusulas de fidelidade quando o cliente contrata uma oferta especial, que justifique tal prática.

Se você está pensando em trocar seu plano de celular ou mesmo contratar uma promoção, é bom ficar de olho nesse detalhe. Verifique qual o tempo de fidelização estabelecido pela operadora e qual o valor da multa, em caso de quebra de contrato.

Pra quem vai migrar pra uma marca diferente, é bom avaliar quanto será necessário pagar e, dependendo do valor, esperar o período passar pra contratar outra oferta.

Só mude o plano se a quantia total que será economizada for maior do que a multa cobrada pela operadora atual e essa economia realmente valer a pena a longo prazo.

5.      Se tiver pré-pago anote as recargas pra saber o gasto mensal

Quem tem telefone pré-pago, normalmente, opta por esse tipo de plano com a intenção de gastar menos com o uso do telefone. Mas nem sempre esse modelo representa uma economia real, já que o custo dos serviços (minuto de ligação, dados de internet, etc.) costuma ser mais alto do que nos planos pós-pagos.

Por isso, para saber se o plano realmente vale a pena, avalie quanto de recarga você faz por mês e se é suficiente para utilizar seu celular de forma plena durante todo o período.

Caso esteja ficando sem telefone antes do mês acabar ou recarregando a linha várias vezes, chegou a hora de considerar a contratação de um plano pós-pago ou controle.

6.      Ficar atenção a promoções de plano + aparelho

Muitas operadoras oferecem desconto em aparelhos se o cliente contratar um plano maior. Antes de embarcar nessa oferta, veja o valor do celular em outras lojas e também o custo do plano que melhor te atende.

Como os planos desse tipo de oferta costumam ser os mais caros, você pode estar gastando mais dinheiro do que o necessário.

7.      Considere contratar um plano família

O plano família também é uma solução de como diminuir seus gastos com celular, já que os minutos e os dados são compartilhados. O preço por dependente é bastante atrativo e dá pra poupar uma grana contratando o pacote adequado.

Porém, fique atento se os benefícios do plano são pra todo mundo. Alguns pacotes oferecem vantagens apenas pro titular da conta, enquanto as linhas adicionais são mais limitadas.

Dê preferência a operadoras que permitem compartilhar internet e minutos entre as linhas do plano.

Comentários

comentários

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *