Ela está em muita coisa que envolve dinheiro: descubra como calcular porcentagem

porcentagem_blog

Por Guilherme Campos 

Pode até não ser tão claro assim, mas a porcentagem é um assunto que aparece repetidamente no dia a dia de todo mundo. Vai dizer que você nunca viu uma loja anunciando uma oferta? Mais ou menos assim: “Só Hoje! Compre essa roupa com 5% de desconto”

Ou quando a nossa memória não ajuda e esquecemos de pagar uma conta. Resultado? Uma taxinha a mais prejudicando o bolso nosso de cada dia: a multa. Sabe, que nem aquela conta de luz ou de água que veio com juro proporcional ao tempo de atraso no pagamento do mês anterior.

A conta que ninguém te conta
Ainda tem alguém que duvida que o Guiabolso tá aqui só pra ajudar todo mundo? Fala sério, né? E a mais nova mão na roda é a agenda. Um recurso super top que quase todo já tá usando lá no app. Com ela você programa avisos de quando vai receber uma grana ou quando precisa  pagar aquela conta que costuma esquecer. Além de te lembrar ainda dá pra definir de quanto em quanto tempo vai rolar o aviso. Por exemplo, só uma vez por ano, todo dia, todo mês ou de 15 em 15 dias!

Da mesma forma o valor a mais pode vir pro nosso bolso. Oi, investimento. Que bom que você me ajudou a multiplicar minha grana tão rápido. A gente deveria conversar mais vezes. Sermos mais próximos.

Tá, já sei onde ela está. Mas o que é a porcentagem?

Vamos continuar falando do dinheiro que podemos ganhar. Assim o raciocínio fica mais interessante e tudo fica mais fácil, né? Pense num investimento que vai te proporcionar um ganho adicional de 12% no final do prazo.

A porcentagem é exatamente esse valor, 12%. E significa que você terá 12 partes das 100 possíveis e que formam aquele todo. Pra ficar ainda mais fácil: imagine que se trata de um bolo que vai ser dividido em 100 fatias. 12 dessas 100 fatias vão ser suas como prêmio por investir naquela opção.

Esses mesmos 12 por cento podem ser escritos de 3 formas:

  • De um jeito percentual = 12%
  • Na forma de fração (lembra 12 de 100 partes possíveis) = 12/100
  • Na forma de um número decimal = 0,12 (Tá, acredito que você já percebeu que é o resultado da divisão de 12 por 100!)

Leia também:

+ Como calcular juros compostos

+ Como calcular juros simples

+ Aprenda a calcular o rendimento da poupança

Normalmente a porcentagem vai se relacionar com algum outro valor. Calma que com um exemplo fica tudo mais fácil.

  1. Vamos voltar ao começo do texto. Sabe o desconto de 5% naquela roupa. Naquele dia, eu pagaria 5% a menos que o preço original. Imagine que o valor antes da liquidação começar fosse R$150. Então eu pagaria R$ 142,50 se aproveitasse a oportunidade. Olha só como eu cheguei nesse valor :

    Aplicamos um desconto de 5% sobre os R$ 150, ou

    5% de 150 = 5/100 x 150 = 7,50. Esse é o valor do desconto.
    O preço final vai ser o inicial menos esse abatimento ou 150 – 7,50 = 142,50!!!

    Outro jeito de fazer a conta.
    Podemos pensar que 100% = 1 (100/100)
    Como o desconto era de 5% e 5% = 0,05 (5/100) teríamos:
    100% – 5% ou 1 – 0,05 = 0,95
    E aí poderíamos fazer a conta direto pra saber o valor da compra.
    150 x 0,95 = 142,50   (fantástico)

  2. Só mais esse. Agora na outra direção. Tenho que pagar juro de 2% porque atrasei uma conta. O valor inicial dela era R$80. Então o preço final vai ser R$ 81,60. Entendeu?

    Juro de 2% sobre R$80, ou:
    2% de 80 = 2/100 x 80 = 1,60. Esse é o valor do acréscimo.

    O preço final é o inicial somado a ele. 80 + 1,60 = 81,60!!!

    Aplicando a mesma lógica da conta com frações e porcentagens:
    Acréscimo de 2% e 2% = 0,02 (2/100)
    100% + 2% = 1 + 0,02 = 1,02 x 80 = 81,60

Agora é só fazer as contas dos descontos, juros ou rendimentos. Sem stress, sem quebrar a cabeça e muito menos ter a possibilidade de ser passado pra trás!!!!




Comentários

comentários

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *