4 Passos para Negociar Descontos (Sem Medo ou Vergonha!)

guiabolso

Por Carol Stange, especialista em finanças pessoais

Publicado em 25/02/2021

Você ficaria surpreso com a quantidade de gente que não pede descontos ou perde condições melhores de pagamento no comércio por medo ou vergonha. 

Confesso que até eu já caí nessa armadilha por pura timidez e medo de ofender o vendedor, mas é preciso lembrar que existe margem para negociação na imensa maioria das transações comerciais e que pedir descontos é muito diferente de ser agressivo.

Pechinchar é uma prática milenar e pense comigo: quem pede por descontos não tem nada a perder, a não ser um pouco de tempo. Além disso, essa abordagem faz parte da nossa cultura brasileira – e os comerciantes sabem, e até esperam, por isso.

Então, por que não? Veja a seguir quatro passos para que você tenha  sucesso na arte de pedir descontos! 

1. Treine antes

Não dá para aprender a negociar na hora, já na frente do vendedor e do produto que você quer, certo? A estratégia aqui é ensaiar, e vale testar suas perguntas e argumentos na frente do espelho ou para um amigo. Lembre: não existe perfeição sem a prática e ter vergonha não ajudará em nada nesse momento.  

2. Chegando na loja: disfarce e apresente sua “cara de  paisagem” 

Mesmo que você já saiba as características do produto que quer e já tenha se definido pela compra, vale não demonstrar total interesse antes da pedir por descontos. Dar uma volta pela loja, olhar como quem não quer nada, perguntar sobre mais de um produto e dizer que vai pensar, são sugestões para que o vendedor inclusive tome algumas iniciativas e apresente as opções disponíveis para pagamento.

3. Chegou a hora? Respire fundo e faça as perguntas certas 

Você está certo da compra e o vendedor pronto para fechar o pedido? Hora de começar a negociar! Uma pergunta diretiva nessa hora como “tem desconto?” pode não ser o suficiente para que você consiga vantagens relevantes. É muito fácil a resposta ser “não” e a negociação morrer antes mesmo de começar, simples assim. 

Que tal fazer perguntas abertas que incentivem o diálogo?

  • “Interessante. O que você pode fazer para baixar esse preço?” 
  • “À vista, tem mais desconto? Se você conseguir, estou pronto para fazer o pagamento agora, nesse minuto.”
  • “Entendo que você tenha atingido o seu limite de negociação. Seu gerente está aí para negociarmos um desconto maior?” 

Dica extra 1: compras feitas no final do mês têm mais chance de saírem por um valor menor, afinal, nem sempre a meta de vendas está batida.

Dica extra 2: o jeito mais fácil de conseguir descontos é pagando à vista, e se for em dinheiro, melhor ainda, pois nesse caso o lojista não tem que arcar com as taxas e tarifas referentes às operações com cartão de crédito e parcelamentos. Esse pode ser, inclusive, um bom argumento para pedir maior percentual de desconto.

4. Demonstre Segurança

Quanto mais você tiver pesquisado sobre o produto que você deseja, os preços e condições que os concorrentes oferecem, mais seguro se sentirá na hora de pedir desconto.

Lembre que demonstrar segurança não significa ser agressivo. É um mito dizer que toda negociação é uma “luta” e que para conseguir o que quer, é preciso ser duro na queda. Uma boa negociação leva em consideração o interesse dos dois lados; do vendedor e do comprador e é justa para ambos.

Percebeu que negociar é uma prática que pode ser aprendida? Ninguém nasce um bom negociador sem treinar para isso antes. Outro ponto para ter sempre em mente é que, em muitas vezes, o outro lado até espera que você faça uma contraproposta, portanto, vergonha e medo não precisam participar desse momento.

Que tal começar a colocar essas dicas em prática para usufruir o quanto antes dos benefícios de uma boa negociação?

Baixe o app e conecte suas contas pra acompanhar suas finanças automaticamente e tomar as melhores decisões na palma da mão!

Baixar app Guiabolso

Um beijo e vejo você no próximo conteúdo sobre Finanças Pessoais! Até mais!

Leia mais:

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *