5 dicas para que você controle seus gastos sem sofrimento

controle seus gastos

controle seus gastosFazer o controle de seus gastos não precisa ser necessariamente um sacrifício. Ao encarar a tarefa forma mais leve, vislumbrando os benefícios do futuro, o caminho fica bem menos árduo.

Se você é daqueles que desanima só de olhar para sua planilha de gastos (não tem uma planilha de gastos? Veja aqui como fazer a sua) e pensar onde teria que cortar despesas para economizar, pare agora! Este texto é para você. É verdade que, quando se pensa somente no agora não há dúvidas de que gastar dinheiro é muito mais divertido do que se privar de alguma coisa imediata para guardá-lo para o futuro. Entretanto, é possível controlar suas finanças de uma forma menos custosa e pesada.

Todos precisam manter o hábito de reservar uma parte do seu orçamento para seus planos e projetos futuros. Isso se chama ter inteligência financeira e o primeiro passo para alcançá-la é promover uma mudança de pensamento: em vez de simplesmente controlar seus gastos para guardar dinheiro, pense que você está, na verdade, construindo um sonho que pretende realizar daqui a uns anos, como a compra de um carro, um imóvel próprio e até a viagem dos sonhos.

Para ajudá-lo na árdua missão de tornar o controle de seus gastos menos pesaroso, vamos dividir com você agora cinco dicas boas e fáceis de aplicar para que você comece, de uma vez por todas, a tomar gosto pela poupança:

1. Pense em formas criativas e baratas de se divertir

Quando quer organizar as finanças, a maioria das pessoas corta, em primeiro lugar, as despesas com lazer. Supérfluos primeiro, certo? Mais ou menos. Sim, é prudente cortar primeiro as despesas que não são essenciais, mas tirar totalmente a diversão de sua vida é o primeiro passo para ver o seu plano de poupar ir por água abaixo. Quem é que aguenta passar o fim de semana inteiro dentro de casa?

É importante reduzir significativamente os gastos excessivos com lazer, mas reserve um dia por mês, pelo menos, para jantar fora com a família ou sair com os amigos. Nos demais fins de semana, pense em alternativas baratas ou gratuitas para se divertir: convide os amigos para jantar em sua casa, procure espaços ao ar livre (parques e praças), exposições e shows gratuitos, clubes de cupom de descontos, entre outros. Confira aqui mais algumas dicas para controlar as despesas com lazer.

2. Controle seus gastos! Resista à tentação de gastar aquele dinheirinho extra

Entrou um dinheiro extra na sua conta, com o qual você não estava contando? Sem pensar duas vezes, deposite na poupança já! Como você não contava com o recurso, ele não irá fazer falta no seu orçamento e a agilidade na decisão é fundamental para que você não arrume um destino “importantíssimo” para esse dinheiro. O mesmo raciocínio vale para quando você recebe um desconto ou verifica que o valor da sua fatura do cartão de crédito é menor que o estimado. Em vez de gastar, poupe!

3. Use o recurso da poupança automática

Uma boa alternativa para os ansiosos de plantão é programar a poupança automática para o dia em que seu salário cai no banco. Programe o débito de uma quantia que seja confortável ao seu orçamento — não vale precisar tirar o dinheiro da poupança para cobrir a conta corrente no final do mês! — e deixe que o banco faça o resto. Se você não vê esse dinheiro, nem chega a contar com ele, é como se ele nem existisse!

4. Repense seu estilo de vida

Talvez essa seja a grande dica para quem quer começar a poupar e concretizar grandes planos. O que realmente é importante para você? Será que satisfazer um capricho momentâneo vale mais que atingir uma meta maior e realizar seu grande sonho? Se você fizer as contas e repensar seu estilo de vida, verá que todo esse esforço que de agora valerá muito a pena a longo prazo. Muitas vezes nosso dinheiro acaba indo pro ralo em coisas que não compensam. Será que você precisa de mais um par de sapatos ou de trocar o celular todo ano? Provavelmente não. Reflita!

5. Defina metas: qual o seu grande sonho?

É mesmo difícil controlar gastos e abrir mão dos confortos no presente só para economizar. Por isso é importante fixar metas que valham a pena tanto esforço. Pode ser comprar a casa própria, fazer uma viagem especial, tirar um ano sabático ou pagar a faculdade: o que você realmente quer fazer com o seu dinheiro? Qual o seu grande sonho e como alcançá-lo? Com uma meta palpável, fica mais fácil poupar no presente para usufruir no futuro.

Economizar pode ser divertido se você fizer desse comportamento um hábito. Seguindo as nossas dicas, você conseguirá guardar algum dinheiro e quase nem perceberá!

]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *