6 dicas de economia para quem está depois dos 30

dicasdeeconomia

dicasdeeconomia

Você não é mais jovem, mas também ainda não é velho. Como organizar as finanças depois dos 30? Confira nossas dicas de economia.

Depois dos 30, começamos a pensar nas conquistas não realizadas e nos projetos que não saíram do papel. É um período paradoxal, uma fase em que não somos mais tão jovens e ainda não somos velhos.

Em vez de se lamentar pelo o que você já poderia ter feito e não fez, este é o momento ideal para refletir e amadurecer em alguns aspectos importantes daqui para frente. Confira algumas dicas de economia pensadas especialmente para quem já passou dos 30:

Não abra mão do planejamento financeiro

Muitas pessoas se acham suficientemente maduras depois dos 30 anos para tomar suas decisões, mas essa autoconfiança exagerada pode levá-las a tomar decisões por impulso. Um erro muito comum nessa faixa é se empolgar para financiar logo a casa própria, sem muito planejamento. Trocar de carro todo ano também é bastante comum. Antes de tomar grandes decisões financeiras é fundamental adequar o orçamento e estabelecer prioridades.

Defina metas financeiras para realizar seus sonhos

É indispensável ter metas financeiras bem definidas e com prazos realistas para que você consiga realizar seus objetivos. Coloque no papel suas metas de curto, médio e longo prazo e trace um plano financeiro para conseguir realizá-las. Se você quer comprar um computador novo daqui a um ano, por exemplo, programe-se para guardar um pouco por mês até lá. Se quer fazer uma viagem para o exterior daqui a dois anos, faça uma estimativa do quanto custaria e descubra o quanto você precisa poupar por mês até lá.

Programe a sua aposentadoria

Pode parecer cedo, mas quanto antes você começar a guardar dinheiro para uma aposentadoria tranquila, menor será o impacto desse hábito no seu dia-a-dia. Você já tem um plano de previdência? Se for um profissional autônomo, é contribuinte individual do INSS? Outra decisão importante que você precisa começar a trabalhar depois dos 30 é um plano alternativo de renda para o futuro. Um imóvel para alugar ou um negócio próprio são opções.

Aposente o cheque especial e use o cartão de crédito com consciência

Entre todas as dicas de economia, esta talvez seja uma das mais importantes: cheque especial e cartão de crédito não são extensões da sua renda. Nossos gastos mensais devem caber dentro do nosso salário, sem ter que fechar todo mês no vermelho. Nesse contexto, depois dos 30, as dicas de economia são: reorganizar o orçamento, pagar as dívidas acumuladas e aposentar o cheque especial. Cartão de crédito? Só com moderação.

Controle os gastos e organize sua vida financeira

Para organizar sua vida financeira, o primeiro passo é mapear todas as suas despesas com ajuda de ferramentas de controle financeiro, como as planilhas de gastos manuais e o GuiaBolso, que puxa automaticamente todas as suas transações bancárias e as divide em categorias. Assim, fica mais fácil identificar onde você está gastando mais dinheiro e criar metas para cada uma das suas despesas.

Prepare-se financeiramente para a chegada dos filhos

Outra boa dica de economia para depois dos 30 anos é começar a se planejar para a chegada dos filhos. Se você tem planos de aumentar a família no futuro, é fundamental se preparar financeiramente para a chegada dos pequenos, que vão demandar gastos com criação, sustento e educação. Uma boa pedida é separar uma parcela da renda mensalmente para essa finalidade.

Pronto para colocar essas dicas de economia em prática? Não se esqueça de voltar aqui para nos contar se deu certo.

]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *