Como comprar seu primeiro imóvel

buying-your-first-home-a139-1

Viver de aluguel pode ser a solução ideal para atender às necessidades temporárias de muitas pessoas. Mas sabemos que a compra da casa própria ainda é  um sonho para a grande maioria.

Antes de curtir o primeiro imóvel, é fundamental estudar as opções disponíveis no mercado imobiliário e planejar muito bem a compra para que esse sonho caiba no orçamento. Fatores como localização, decidir entre imóvel na planta ou usado, número de quartos, espaço e garagem precisam ser cuidadosamente avaliados. Isso lhe guiará para fazer uma boa escolha, garantindo que não se arrependa no futuro e consiga encaixar as parcelas nas finanças sem comprometer seus gastos diários.

Pensando nisso, preparamos alguns cuidados a serem tomados para que a compra do primeiro imóvel se torne uma tarefa um pouco mais fácil:

primeiro imóvel

Avalie suas perspectivas no médio e longo prazo

Antes de comprar o primeiro imóvel, o passo inicial é pensar sobre suas necessidades atuais e futuras para avaliar a melhor opção de compra. Já pensou se você adquire um apartamento pequeno e, em poucos anos, começa a ver sua família crescendo e ficando sem espaço?

Para evitar esse tipo de problema, pense se o imóvel será para a vida toda ou apenas por um período temporário, lembrando de possibilidades como casamento e filhos ou até mesmo a acolhida de parentes. Isso permitirá escolhas mais acertadas sobre espaço, número de quartos, vagas na garagem e a definição entre casa ou apartamento.

Caso você acredite que mais espaço será necessário no futuro, espere um pouco e depois financie um imóvel maior que possa atender às suas necessidades futuras.

Fique de olho em todos os detalhes

Escolher um imóvel envolve uma série de variáveis. O local é um dos pontos de partida, pois a região escolhida deve facilitar o acesso ao trabalho, ter uma boa oferta de serviços, oferecer opções de lazer no entorno, garantir um nível de silêncio adequado e a sua segurança.

Lembre-se que é importante visitar o imóvel durante o dia e a noite, para que você possa ter uma percepção mais realista desses aspectos.

Planeje as finanças com cuidado

O financiamento é, muitas vezes, a melhor opção para quem está comprando um imóvel, tendo em vista que se trata de um bem com valor elevado. Ainda assim, é importante tentar financiar o menor valor possível, pois desta forma os juros e o prazo de pagamento serão reduzidos.

Desta forma, utilize suas economias disponíveis e, caso tenha a possibilidade, venda alguns bens para conseguir dar uma entrada de maior valor. Também é interessante levar em consideração a opinião de especialistas no mercado, evitando comprometer mais que 20% de sua renda líquida no valor da parcela.

Para o financiamento, lembre-se de escolher uma instituição financeira sólida, reconhecida no mercado e que ofereça boas condições de crédito. Evite os pacotes que geralmente são vendidos junto aos financiamentos, pois muitas vezes podem trazer serviços desnecessários.

Saiba escolher entre novo ou usado

Esse é um dilema comum para muitos compradores. Apesar do imóvel novo agregar o prazer de morar onde ninguém nunca morou, os usados geralmente são mais vantajosos financeiramente.

Ao fazer sua opção, leve em conta os riscos envolvidos nas duas alternativas. Os imóveis adquiridos na planta trazem a possibilidade de quebra da construtora, por isso é fundamental procurar empresas sólidas e reconhecidas no mercado. Já os imóveis usados podem apresentar problemas com o passar dos anos, mas a diferença de preço pode ser investida em uma reforma para deixar o imóvel com a sua cara e prevenir aborrecimentos posteriores.

Tenha cuidado com a documentação

A documentação envolvida na compra de um imóvel pode trazer bastante dor de cabeça ao seu comprador, sobretudo no caso de imóveis usados e que já estejam ocupados.

Evite confiar em promessas que não estão explicitadas no papel e, caso tenha condições, contrate os serviços de um advogado para auxiliá-lo na documentação. Investir um dinheiro para esse fim pode evitar muitas adversidades no futuro.

Saiba esperar

Depois de passar por todo esse processo, não prossiga com a compra se as condições não se encaixarem no seu planejamento financeiro ou caso você tenha opções mais rentáveis de aplicação do dinheiro. É preciso ter muita calma para escolher as melhores alternativas e seguir pelo caminho mais vantajoso.

Já está se planejando para a compra de um imóvel? Conte para nós!

 ]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *