O que precisa saber sobre o consórcio de compra de carro

38630-consorcio-para-compra-de-carro-vale-a-pena

banner-GB
38630-consorcio-para-compra-de-carro-vale-a-penaSem opções de financiamento para carros nos anos 60, alguns funcionários do Banco do Brasil fizeram uso da criatividade e se reuniram para formar  o primeiro grupo de consórcio do país. De lá pra cá, essa modalidade de financiamento tem cativado interessados em vários tipos de aquisições, que vão desde aparelhos eletrodomésticos a imóveis de alto valor. Porém, a compra de carro continua sendo um dos maiores motivos para as pessoas adquirirem consórcios.
Mas, será que o consórcio para compra de carro realmente vale a pena? É o que vamos ver nesse post.

Como funciona um consórcio de compra de carro?

Cada um dos participantes paga, mensalmente, uma parcela que, somada às parcelas dos demais, comporá um caixa que permitirá a emissão de determinado número de cartas de crédito destinadas à compra do carro, seja ele novo ou usado.  Assim, para decidir quem terá o direito de recebê-las, no contrato de adesão são estabelecidos três critérios.
No primeiro, as cartas de crédito serão entregues a quem for dono de uma das cotas sorteadas durante a assembleia mensal de consorciados. Pelo segundo, recebem cartas de crédito os participantes que derem lances vencedores nos leilões que acontecem naquelas mesmas assembleias. Como terceiro critério, aqueles consorciados que não foram contemplados, nem por sorteio nem por leilão, receberão a carta de crédito no final do período de duração do consórcio.
Desta forma, a futura compra de carro estará condicionada à sua sorte ou a quanto dinheiro você tiver disponível para dar o lance na assembleia. Caso contrário, você terá de esperar até o final do prazo de duração do consórcio.

Há cobrança de juros?

Não. Como as empresas de consórcios apenas administram os recursos e não emprestam o dinheiro para a compra do carro, naturalmente, não há cobrança de juros. Além dos seguros, elas cobram apenas uma taxa de administração, que não se distancia muito de 1% ao mês. Então, mesmo com os seguros e a taxa, os custos do consórcio são bem inferiores aos dos financiamentos bancários. Assim, o preço final do carro para o consorciado fica bem mais baixo do que seria, caso tivesse optado por um financiamento.

Quais são as vantagens e as desvantagens?

A grande vantagem do consórcio está no custo mais baixo. Além disso, como ele condiciona o consorciado a pagar uma parcela mensal, você se verá forçado a fazer uma economia, o que é interessante para quem deseja comprar um carro.
Por outro lado, se a pessoa quer o carro imediatamente e não for contemplada em sorteio, precisará ter recursos suficientes para dar o lance mais alto na assembleia. Outro problema é com a inadimplência: se muitos consorciados deixam de pagar as parcelas, o grupo pode ser prejudicado.

Então, quando um consórcio de carro vale a pena?

Desta forma, deixando o quesito da sorte de lado, o consórcio valerá a pena nas seguintes situações:

  • se você não tiver urgência para comprar o carro e puder esperar para recebê-lo quando o grupo for encerrado, na pior das hipóteses;
  • se você não for uma pessoa muito disciplinada e precisar de um estímulo para poupar, mesmo que tenha que esperar muito para usar essa poupança;
  • se você não tem certeza de que carro deseja comprar, mas mesmo assim quer iniciar a poupança, pois a carta de crédito pode ser usada para outras aquisições;
  • se você tem certeza de que receberá algum dinheiro no futuro, que será suficiente para dar um bom lance, caso não queira contar com a sorte;
  • se você tem urgência e o dinheiro suficiente para dar um lance vencedor.

Gostou de saber? Se você ainda tem alguma dúvida sobre consórcio de carro ou se deseja dar a sua opinião sobre o assunto, deixe aqui o seu comentário. Queremos muito saber o que você pensa! 
banner-GB-2
Leia também:
– Compare 6 opções de empréstimo pessoal online
– As 4 melhores planilhas de gastos pessoais para o seu dinheiro
– Planilha de gastos no Excel ou controle financeiro online?
– Planilha de gastos mensais: como fazer?
]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *