Dicas para controlar os gastos dos filhos

agenda

Educação financeira se aprende desde cedo. Por isso, é muito importante começar a ensinar o quanto antes para crianças e adolescentes a importância de ter uma relação saudável com o dinheiro. O primeiro passo é mostrar como é fundamental controlar o quanto se gasta e não consumir mais do que pode. Você já está ensinando isso para as crianças?

Confira abaixo algumas dicas para controlar os gastos dos seus filhos:

Dê o exemplo

Antes de controlar os gastos do seu filho a pergunta a se fazer é: você consegue controlar os seus? É muito importante, principalmente no caso de crianças, dar um bom exemplo. Então, nada de comprar como se não houvesse amanhã, viver no vermelho, não ter reserva para emergências. Seja um espelho para o seu filho.

Faça um caderninho de gastos para a criança

O próximo passo é ensinar a criança a lidar com o dinheiro. Dar uma mesada é uma boa alternativa, mas, caso escolha esta opção, esteja ciente que é fundamental controlar os gastos do seu filho. Você pode fazer isso dando um caderninho em que ele pode anotar tudo o que gastou no dia. No final da semana, você confere o caderno, faz uma soma dos valores e vê para onde está indo o dinheiro da mesada.

A partir daí, você pode orientar seu filho sobre os gastos e dar para ele dicas de consumo consciente. Gastou todo o dinheiro antes da hora? Então ele terá que levar lanche de casa em vez de comprar na cantina do colégio ou terá o dinheiro que gastou a mais descontado da próxima mesada, por exemplo. Essas medidas são fundamentais para a educação financeira.

Estimule desde cedo o uso do cofrinho

Depois de ensinar a consumir, é preciso mostrar para seu filho a importância de economizar. Uma das formas mais legais de fazer isso é usando o bom e velho cofrinho. Dê para o seu filho as moedinhas que sobram de compras do dia a dia, como supermercado e padaria. Estimule-o a guardar o dinheiro para algum objetivo, como comprar um estojo novo, por exemplo. Lidar com as finanças deve ser divertido e prazeroso.

Faça seu filho adolescente participar do orçamento doméstico

Caso seu filho já esteja na adolescência, a situação muda um pouco de figura. Nesta idade, os gastos aumentam bastante (cinema, roupas de marca, saídas com os amigos, dentre outros), assim como a responsabilidade que seu filho deve ter com as finanças.

A melhor forma de controlar os gastos do seu filho adolescente é colocando-os dentro do orçamento doméstico. Faça uma planilha de gastos da casa e compartilhe com ele. Oriente-o a colocar todos os seus gastos nesta planilha conjunta. Assim, você tem maior controle sobre a finalidade do gasto, ou seja, para onde o dinheiro vai.

Seu filho mora ou está longe? Aposte no cartão pré-pago

Se seu  adolescente está viajando, já estuda em outra cidade ou mora no exterior, uma opção para conseguir controlar os gastos é utilizar um cartão pré-pago. Existem opções em diversas instituições. A grande vantagem é que alguns modelos permitem que a recarga seja feita em agências bancárias ou pela Internet, facilitando o processo. Em caso de roubo ou perda (muito comum entre os adolescentes), o valor que não foi utilizado continua disponível. Só fique ligado que os saques costumam ser cobrados, não devendo ser realizados em excesso.

Uma relação saudável com o dinheiro se aprende desde cedo. Não deixe de dar esta educação para seu filho!

]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *