Inflação de setembro é a maior desde 2003

noticias-inflacao-alta-2

A subida da inflação não é novidade para quem acompanha as notícias no Brasil desde a década de 1980 ou 1990: mas agora, desde 2003, parece que o índice de 0,57% calculado para o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) surpreendeu. Na verdade, o valor porcentual não é o mais alto do ano, pois em abril a taxa chegou a 0,64%.

O que foi divulgado pelo IBGE nas notícias foi uma comparação para todos os meses de setembro, desde 2003, e o resultado é que, aparentemente, o índice de inflação está se desviando da meta do governo de 4,5% ao ano.

O valor da inflação é calculado a partir de dados colhidos em 10 capitais do Brasil e é referente ao preço final pago por consumidores cujo ganho mensal varia de 1 a 40 salários mínimos. Um dos valores que mais contribuiu para o aumento da inflação foi o aumento do preço dos alimentos.

Em reação a estas taxas, os economistas consultados pelo Focus do Banco Central elevaram a projeção da taxa de alteração dos preços de 5,35% para 5,36%, o que indica uma tendência de alta. Os dados contradizem uma declaração do Ministro da Fazenda, Guido Mantega, de que a inflação no Brasil não subirá, pois este é um tema especial para o governo Dilma Rousseff.

Uma das medidas já tomadas contra a tendência divulgada nas últimas notícias pelo IBGE foi a redução do valor do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) sobre os automóveis, reduzindo o preço final para o consumidor.

]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *