IRPF 2015: como saber se preciso declarar imposto de renda?

como saber se preciso declarar imposto de renda

banner-620x100-2 como saber se preciso declarar imposto de rendaOs meses de março e abril são tradicionalmente reservados para declarar o temido Imposto de Renda. Conforme a data vai se aproximando, você pode estar se perguntando: como saber se preciso declarar imposto de renda? Confira abaixo se você precisa preencher a declaração ou se enquadra em um dos grupos isentos:  

Quem paga o IRPF e para que ele serve?

Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) é o tributo que é cobrado pelo Governo Federal sobre todos os vencimentos e rendimentos de pessoas físicas no País. O valor recolhido com o pagamento do Imposto de Renda é destinado, de acordo com a Receita Federal, para a saúde, educação, programas de transferência de renda e, também, de estímulo à cidadania, como Bolsa Família e Fome Zero. Outra parte dos recursos é destinada para programas de inclusão social e geração de empregos, como plano de construção de habitações populares e crédito rural, que tem como objetivo a expansão da agricultura familiar.  

Quais os grupos isentos e por quê?

A Receita Federal ainda não divulgou as regras para o IRPF 2015. Se você ainda não tem certeza de que precisa declarar e ainda está se perguntando “como saber se preciso declarar imposto de renda”, saiba que, de acordo com as regras de 2014, você está isento da declaração se…

– Tiver recebido rendimentos tributáveis com soma anual superior a R$ 25.661,70;

– Tiver recebido rendimentos isentos de soma superior a R$ 40 mil;

– Tiver obtido, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, que estivesse sujeito à incidência do imposto ou tenha realizado operações em bolsas de valores, de mercados, de futuros e assemelhadas;

– Tiver optado pela isenção do imposto sobre renda incidente sobre o ganho de capital oriundo na venda de imóveis;

– Tiver obtido receita anual bruta de valor maior que R$ 128.308,50 em atividade rural;

– Pretender compensar no ano-calendário 2014 ou posterior prejuízos de anos-calendários anteriores ou do próprio ano de 2014;

– Tiver posse ou propriedade, em 31 de dezembro de 2014, de bens ou direitos, cujo valor total exceda R$ 300 mil;

– Tiver passado a residir no Brasil em qualquer mês e se encontrava como residente em 31 de dezembro de 2014.

Você também é considerado isento se constar como dependente em uma declaração apresentada por outra pessoa e se, neste documento, tenham sido listados seus bens, rendimentos e até mesmo direito (caso se aplique). Outro grupo isento é aquele que teve a posse ou a propriedade de bens e direitos, mas os bens comuns sejam declarados por seu cônjuge. O valor total dos bens privativos, neste caso, não pode exceder R$ 300 mil em 31 de dezembro de 2014.  

Onde eu posso verificar se estou isento e como saber se preciso declarar imposto de renda?

Para verificar se precisa declarar imposto de renda ou se está isento, você pode acessar o site da Receita Federal, clicar no ícone Imposto de Renda e ver se está enquadrado em alguma categoria que precise declarar Imposto de Renda.  

O que fazer em caso de isenção?

Mesmo que não esteja obrigada a tal, qualquer pessoa física, mesmo isenta, pode apresentar a declaração de Imposto de Renda. A única é exceção é no caso de pessoas que constem em outra declaração de pessoa física como dependente. Há casos, por exemplo, em que a pessoa não é obrigada a declarar, mas teve imposto sobre a renda retido em 2014 e tem restituição a receber. Neste caso, ela vai precisar apresentar a declaração para receber a quantia. banner-620x100-1Leia mais: Os 5 melhores aplicativos de controle financeiro  As 4 melhores planilhas de gastos pessoais para o seu dinheiro  50 dicas para aprender como economizar dinheiro  Planilha de gastos no Excel ou controle financeiro online?  ]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *