Já economizo e agora como escolher um investimento?

concept for money protection

concept for money protection

Você acredita que já economizou o suficiente? Acha que está na hora de quebrar seu porquinho? Então, calma! O momento é de muita cautela. Antes de investir as suas economias, para obter os melhores resultados, é preciso seguir algumas medidas que podem ajudar muito na hora de multiplicar seu dinheiro.

Saber o melhor lugar para aplicar sua reserva, quais são as taxas de rendimento e como valorizar ainda mais a renda injetada são ações que exigem um pouco mais de reflexão, afinal, você está lidando com suas economias.

Apesar desse alarde, não se preocupe! Para você que deseja saber como aplicar aquela grana que economizou da melhor forma possível, elaboramos um pequeno guia com algumas dicas que o ajudarão a decidir sobre questões importantes na hora de investir. Quer saber quais são elas? Confira aí!

Qual é o seu objetivo?

Esta é a pergunta que você deve responder antes de pensar em qualquer investimento. Por isso, pense em qual necessidade quer suprir com aquele investimento, como uma melhor qualidade de vida, aposentadoria, estudos, comprar um imóvel, carro, dentre outros objetivos importantes para você. Com esta decisão feita, você já pode pesquisar onde será melhor aplicar o seu dinheiro de acordo com quanto você tem para investir.

Porém, fique atento: avaliar os riscos e as condições para aquele investimento também é muito importante. Lembre-se de definir, também, a sua tolerância para possíveis instabilidades. Investimentos a longo prazo são mais suscetíveis a estas alterações e podem lhe oferecer resultados diferentes do planejado caso forem resgatados muito cedo.

Tenho pouco dinheiro: como posso investir?

O lema para quem tem pouco dinheiro é arriscar e aprender. Se você possui pequenos valores, que vão desde R$ 100 a  alguns R$ 1.000, tem a chance de apostar em opções mais ousadas e que possam oferecer um potencial mais rentável. Assim, em caso de perdas, você não perde muito dinheiro e não coloca seu bem-estar em risco. Uma boa dica é aplicar pouco dinheiro em algum ação da Bolsa de Valores ou investir em fundos de renda fixa, que você possa resgatar posteriormente com juros e rendimentos. Nesse caso, não deixe de ficar atento às taxas de administração, que costumam ser elevadas para investimentos de pequenos valores.

Se optar pelas ações, a dica é apostar naquelas empresas mais consolidadas no mercado de valores e que você entende um pouco sobre o ramo de atuação. Dessa forma, você terá mais interesse em acompanhar as grandes decisões da empresa e evita sofrer mais riscos com as oscilações.

É de extrema importância que você tenha uma reserva de emergência caso você opte por investimentos mais arriscados. Procure ter uma quantia de dinheiro no valor de 3 a 6 meses de despesas investida numa aplicação sem risco, como uma poupança ou CDB.

Quero adquirir algum bem: imóvel ou carro são boas opções?

Adquirir algum bem apenas funciona como investimento se você puder valorizá-lo posteriormente em sua venda. Por isso, na comparação carro ou imóvel, a segunda opção sai ganhando. Automóveis apenas eram considerados investimento no passado. Atualmente, um bem desses perde 10% de seu valor anualmente. E, na hora de revendê-lo, o comprador não consegue nem mesmo resgatar toda a sua aplicação.

Entretanto, o carro pode ser visto como um possível investimento se for utilizado para o trabalho ou para aprimorar os serviços oferecidos por sua empresa. Dessa forma, os lucros obtidos com a viabilização de um automóvel podem retornar os fundos aplicados e fazer render mais o seu dinheiro investido.

Para investir o seu dinheiro em algum imóvel é necessário tomar alguns cuidados e estar muito seguro de sua valorização no futuro. É necessário verificar, ao comprar uma casa ou apartamento, se os materiais utilizados são de boa qualidade e se não há riscos de grandes deteriorações. Lembre-se também que investir em áreas que estão sendo urbanizadas pode ser uma boa forma de ampliar o seu valor.

Vale a pena investir em algum empreendimento?

Depende. Se além de um bom dinheiro para investimento, você tem boas ideias e quer empreender, a sugestão é que você o aplique e construa o seu próprio negócio. Além de oferecer oportunidades de crescimento profissional, esta é uma forma de aumentar os seus rendimentos com os possíveis lucros que você obtiver com a venda de seus serviços e produtos.

A dica para os empreendedores de primeira viagem é buscar mercados que não apresentam grandes concorrentes nas localidades mais próximas e nichos em que podem se destacar facilmente. Atualmente, existem diversas opções onde atuar e o governo, por meio de programas como o Microempreendedor Individual (MEI), oferece inúmeros incentivos para complementar o seu investimento.

Achar uma opção para investir aquela grana que você economizou por tanto tempo pode parecer um pouco complicado. Mas, com alguns estudos e planejamentos, há grandes chances de multiplicar a sua renda e alcançar os seus objetivos. Por isso, se estiver em dúvidas, não hesite em procurar um consultor especializado naquela área em que pretende investir. Dessa forma, você terá mais segurança e poderá aproveitar melhor suas economias.

E você? Pretende investir o seu dinheiro em alguma área? Deixe suas opiniões, dicas e ideias nos comentários abaixo!

]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *