Meu salário não é satisfatório. Como posso pedir aumento?

Business woman thinking about dollar currency on grey background

Business woman thinking about dollar currency on grey background

Você já usa o GuiaBolso.com, define seu orçamento e ainda assim precisa de mais dinheiro para cobrir suas necessidades? Talvez está na hora de correr atrás de um salário melhor.

Pedir um aumento é sempre complicado, pois é uma questão que envolve muito mais do que coragem. Para fazer isso você precisa de bons argumentos, além de contar com os resultados que você demonstrou trabalhando. Também é necessário estar preparado para ouvir um “não” sem achar que isso é o fim do mundo.

Quer saber como pedir um aumento salarial e qual é a hora certa para fazê-lo? Então, confira as nossas dicas.

Liste os seus argumentos

Você já pensou como seria se estivesse do outro lado? Como se você fosse o gestor da empresa? Se a sua resposta for não, é bom que comece a pensar. A empresa tem que ter um bom motivo para aumentar o salário de um funcionário e isso nada tem a ver com seus motivos pessoais, por exemplo.

Os seus argumentos devem ser fortes e consistentes. Mostre seus resultados, diga em que e como você tem contribuído e demonstre como você faz diferença na empresa.

Verifique se a empresa está em um bom momento

Não é preciso dizer que se a empresa estiver passando por uma crise, o momento estará longe de ser o ideal para pedir um aumento, não é? Inclusive, caso você esteja insatisfeito, pode ser a hora de você procurar um novo emprego antes que um corte de gastos atinja os funcionários.

Mas como avaliar se a empresa vai bem? Observe como vão os negócios da empresa, se ela está progredindo e contratando cada vez mais funcionários. Aí temos um indício de que ela tem condições para melhorar salários. Caso contrário, você irá ouvir que a empresa precisa conter os gastos e mesmo que você mereça um aumento, no momento, será inviável.

Converse pessoalmente

Por mais que você ache que o assunto seja delicado, você precisa encará-lo de frente. Marque uma reunião formal com o seu chefe, para que você não corra o risco de ser interrompido. E nem pense em fazer isso por e-mail, nem telefone.

Apresente seu trabalho

Na hora em que for iniciar a conversa, comece falando sobre a sua trajetória na empresa, mostrando resultados que você vem apresentando e o seu comprometimento com o negócio. Se for o caso, faça pesquisa e mostre como o seu salário não está compatível com o mercado em que você atua. Tenha argumentos sólidos e plausíveis.

Além disso, pode ser que as suas funções mudaram e que o seu volume de trabalho aumentou. Mostre ao seu superior e use como bom argumento. Afinal, se as atividades mudaram, talvez seja a hora de trocar o cargo na sua carteira de trabalho.

Se prepare para o não

Saiba ser racional e não saia irritado da sala do chefe caso a resposta seja negativa. Se receber um não, pergunte o motivo e também questione o que você pode fazer para transformá-lo em um sim.

Saiba quanto pedir

É recomendado que o pedido de aumento fique entre 5% e 20%. Pedir pouco mostra que você é inseguro e pedir o dobro, por exemplo, pode assustar quem estiver do outro lado. Um aumento que corresponda ao dobro da inflação anual, ou seja, algo entre 10% e 12% atualmente, já será uma bela conquista.

Por fim, lembre que se o seu salário não atende suas expectativas é hora de procurar um novo emprego ou, mais do que isso, se especializar e melhorar sua produtividade para ser valorizado.

E aí, já está pronto para pedir o seu aumento?

]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *