O que fazer com a renda extra da Páscoa?

pascoa

banner-mktplacedireto-2 Por Isabella Mello Por mais que apertemos os gastos, muitas vezes as contas não fecham e, para conseguir terminar o mês no azul, precisamos nos desdobrar! Mas você já parou de olhar só as despesas e pensou sobre a renda? Buscar outras fontes de renda para equilibrar o orçamento é uma boa alternativa para melhorar a saúde financeira. Por isso, aproveitar a Páscoa para colocar a mão na massa e faturar uma grana pode ser a oportunidade ideal! Mas isso não basta para a tranquilidade financeira. Se você conseguiu lucrar com a venda de ovos de chocolate, precisará entender como usar o dinheiro extra. Só assim ele te trará o retorno que você espera! Para te ajudar, o Guiabolso preparou um guia que indica a melhor coisa a fazer em cada situação: se você tem dúvidas, se está com a renda apertada ou se não tem tanta pressa em ampliar o dinheiro. Confira:

Se você tem dívidas:

Para quem está endividado, quitar as pendências deve ser sempre prioridade. Por isso, as oportunidades de renda extra, como a Páscoa e o Natal, podem ser ótimas para que você consiga aquela quantia que faltava para se livrar desses débitos. Lembre-se que pagar as dívidas à vista é a melhor opção, pois assim dá para conseguir um bom desconto nos juros. Se mesmo com essa renda extra você não conseguir todo o valor pendente, pode pedir um empréstimo com juros mais baixos para quitar a dívida anterior de uma vez só  e ficar com uma parcela que cabe no seu bolso. Com o Just, parceiro do Guiabolso, as taxas oferecidas são personalizadas e, por isso, costumam ser bem mais baratas que as das linhas tradicionais.

Se você está com a renda apertada:

Para quem sempre passa o mês apertado, mas consegue arcar com todas as contas, a renda extra é a chance perfeita para dar início a uma reserva de emergência! Você até pode achar que ela não é tão importante, mas aconselhamos imaginar algumas situações. Se o seu carro quebrar ou se você precisar passar por exames clínicos que o convênio médico não cobre, como arcaria com esses custos? Para situações positivas também precisamos de reserva: imagine se você passa no MBA dos sonhos lá no exterior e não tem dinheiro pra bancar a viagem… A reserva de emergência serve exatamente para esses casos urgentes! Por isso, aproveitar a renda extra da Páscoa para iniciar (ou completar) a sua reserva é uma decisão muito inteligente! Para te guiar nessa missão, indicamos que ela seja equivalente, no mínimo, 6 meses dos seus gastos. 

Se você não precisa do dinheiro já:

Quem não está enrolado em dívidas e já conseguiu estabelecer uma reserva de emergência pode aproveitar a renda extra para investir! Mesmo que você já tenha outros desejos para realizar com essa graninha que vai entrar, defendemos que fazer um investimento é muito mais vantajoso. Com o dinheiro rendendo, dá para tirar do papel sonhos muito maiores do que aquele com o qual você conseguiria arcar antes de investir. Mesmo que tenha que esperar alguns meses a mais, vale a pena, não é? E se você não tem experiência em aplicar o seu dinheiro, não se preocupe! Nesse post, explicamos quais investimentos de baixo risco são ideais para iniciantes. Para definir o melhor investimento, você precisa avaliar qual é a meta: investir para crescer o negócio daqui um ano é muito diferente de aplicar para a aposentadoria, por exemplo. Reflita sobre quais são os seus objetivos e só então escolha um produto para aplicar. Agora, você já está preparado para dar o destino certo ao dinheiro que ganhou na Páscoa! banner-mktplacedireto-2]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *