O que meu pai me ensinou sobre dinheiro?

12083123-father-teaching-his-son-to-swim-1

Nossa vida é curta, então faça o que te faz alegre e feliz!

Nós achamos uma iniciativa bem legal e queremos compartilhar com os leitores do GuiaBolso. Lembrando que essa é a opinião das próprias pessoas. Para cada um a lição pode ser diferente. E você, qual conselho sobre dinheiro você se lembra ter recebido do seu pai? Deixe seu comentário!
Comece a investir cedo
“Invista no seu futuro. Quando eu completei 17 anos e consegui meu primeiro emprego, meu pai me deu um pedaço de uma reportagem (meio antiquado, eu sei!) e me ensinou a começar a investir 10% do meu salário”

12083123-father-teaching-his-son-to-swim

Foto por: M. Palinchak (123RF)

Gaste menos, guarde mais
“Não gaste mais do que aquilo que você tem. Se você acha que realmente quer algo, durma uma noite e pense novamente pela manhã.”
Invista em conhecimento
“Para mim, a maior lição de um modo geral que eu aprendi com o meu pai é que ninguém pode roubar o seu conhecimento, por isso você deve investir nele o quanto você puder. Financeiramente, a melhor lição que aprendi é para poupar dinheiro e comprar carros de modelo antigo. Devido a isso, eu nunca me preocupei com parcela do empréstimo do carro”
“Na maioria das vezes eu ouvi o meu pai dizer a meus irmãos mais velhos que a educação traz liberdade. Hoje entendo o que ele quis dizer. Também dizia que investir em educação aumentaria a nossa sabedoria. Ela não viria simplesmente com o tempo.
Se planeje para que sempre consiga pagar os empréstimos em dia
“Uma instituição financeira precisa confiar em você para emprestar dinheiro e com as melhores taxas de juros. Se você quebrar essa confiança, pedir dinheiro emprestado será muito mais difícil e muito mais caro na próxima vez que você precisar de um empréstimo. ”
Guarde dinheiro com a estratégia do pague-se primeiro
“Quando eu consegui meu primeiro emprego, aos 14 anos, meu pai me deu um conselho que sigo até hoje. Ele me disse que, independentemente das minhas contas e minhas obrigações financeiras, eu devo sempre me pagar primeiro (destinar parte do que ganho, assim que cair na conta, para a poupança). Ele disse que se eu não fizesse isso em primeiro lugar, eu nunca iria me pagar e sempre estaria preso na mesma situação financeira, vendo pouco ou nenhum crescimento. ”
Tempo é dinheiro: faça sempre seu melhor
“Fazer o trabalho certo da primeira vez. Isso pode não parecer um conselho financeiro, mas isso poupará bastante dinheiro, além de tempo. Não será preciso corrigir e gastar com coisas de novo e de novo…”
Para fechar, uma importante contribuição da leitora Rosemaire: “Nossa vida é curta, então faça o que te faz alegre e feliz!”
Inspirado no artigo, em inglês: http://www.dailyworth.com/posts/2014-what-my-dad-taught-me-about-money%5D%5D>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *