Planeje suas finanças antes, durante e depois do casamento

casamento-1-1

Não é novidade para ninguém que casamento é um passo que vai além do campo afetivo na vida de duas pessoas. Envolve família, sonhos em comum, convivência em momentos de tensão e muitos desafios. Entre eles há um que não pode ser deixado de lado e que pode fazer toda diferença: dinheiro.

Planejar as finanças antes, durante e depois de casado pode contribuir de forma direta com a felicidade e tranquilidade do casal. Está pretendendo se casar, mas ainda não pensou no lado financeiro da vida a dois? Não deixe para última hora! Conheça agora algumas estratégias que podem te ajudar a planejar e fechar as contas antes e depois do seu casamento.

Planeje suas financas antes durante e depois do casamento

Eu quero casar!

Resolveu casar, e agora? Bom, agora é hora de colocar tudo na ponta do lápis. Em primeiro lugar, o casal pode somar e utilizar as contas e poupanças de cada um. Esta é uma opção muito particular. Pode ser apenas uma parte. Mas talvez valha a pena imaginar que o dinheiro que você tem ou ganha não é mais totalmente seu, mas da família.

Colocando em uma planilha de gastos a soma das receitas e despesas de ambos, você enxergará as possibilidades do casal. A partir daí é possível saber quanto pode ser investido no casamento.

A planilha de gastos é essencial nesta fase, algo que deve ser “alimentado” pelos dois. Assim, os noivos devem avaliar gastos que podem ser cortados e separar uma parte do dinheiro para uma poupança ou outra fonte de rendimentos. E vale lembrar que este é um esforço conjunto!

 

É hora de preparar a festa

Após o tempo de contenção de gastos é hora de fazer as escolhas e ir às compras, certo? Sim! Mas também é o momento de ter paciência e pesquisar bastante. Já decidiu como quer a festa? Procure um buffet que atenda bem às suas necessidades, mas que tenha um preço justo.

A dica é ter atenção às suas reais necessidades. É bem comum casais serem levados pela emoção na hora de escolher os itens e serviços. Depois de passar tanto tempo poupando você não quer gastar de maneira errada, quer? Por isso faça uma lista! Pode parecer enorme e pouco prática, mas listar tudo o que você deseja pode fazer toda diferença. Defina o que você não abre mão e aquilo que você gostaria de ter, mas que não faz tanta questão.

Para a festa, é importante conversar com quem já viveu a experiência e se informar sobre o que é indispensável, o que pode ser encontrado mais barato e o que é caro, mas vale a pena. E evite fazer grandes parcelamentos. Sem dúvida, muitas coisas serão pagas a prazo, mas verifique quanto tempo e volume do seu orçamento as parcelas vão ocupar. Além disso, é importante conhecer a taxa de juros destas contas.

 

Finalmente casados

Outro gasto dos recém casados é a Lua de Mel. O planejamento dela deve ser feito nas etapas anteriores, mas normalmente em viagens outros gastos estão incluídos, como as compras.  Portanto, não se esqueça de incluir em sua planilha, além da festa e da viagem, os gastos extras.

Muitos casais acreditam que o “depois de casados” é mais tranquilo financeiramente. Ele pode até ser, mas não é imune aos problemas que podem estar por vir. A vida de casado exige, na maioria das vezes a mesma organização que possibilitou celebrar o momento sem grandes apertos.

Jamais gaste o que o casal não dispõe e para isso a planilha é sempre uma boa amiga: não mente nunca!

 ]]>

Deixe seu comentário aqui

Seu enderço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *